5 de julho de 2012

O Trem Azul

Google Imagens
Piuíííí tic tac, o som do apito do velho trem ainda ecoa nas lembranças de todos aqueles que o conheceram em seus áureos tempos. As ferrovias chegaram ao Brasil através do visionário barão de Mauá, que investiu e perdeu todo seu patrimônio em busca da realização do seu sonho de modernizar os meios de transporte brasileiro.

Por todo país, as ferrovias ligavam pontos, transportavam mercadorias e pessoas com conforto e muita elegância. Em outros casos, rodovias como a Madeira Mamoré, construída na Amazônia, levava nada para lugar nenhum. Custou milhões, muitas vidas perdidas em sua construção e por fim foi abandonada quando o comércio da borracha entrou em decadência.

Outra linha de trem famosa foi a conhecida “linha da morte”, que atravessa o Pantanal. Essa era marcada pela fama negativa de servir para o transporte de drogas e outros tipos de contrabandos, e pela fama lúdica de atravessar um santuário ecológico nacional.

Mas como sempre o progresso veio, as velhas locomotivas não cabiam mais nos planos de progresso nacional. As estradas asfaltadas ganharam a queda de braços contra o charme do antigo trem. Prometiam ser mais rápidos e eficazes e até poderiam ter sido de fato, não fosse o fato das estradas terem se tornado um palco de mortes por acidentes devido ao abuso de muitos motoristas, de não serem devidamente cuidadas e que de um tempo para cá, para que esses cuidados acorram os cidadãos precisam pagar pedágio, além de todos impostos já pagos.

Pensando em modernidade, hoje muito se fala em trem bala, linhas de metrô e outros modelos de trens que existem em países mais ricos e bem administrados. Um “eterno” candidato, que tem como um dos principais pontos de sua plataforma política construir o Euro trem, independente do cargo a que se candidate.

O velho trem tal como existia não voltará, salvo alguns que ainda sobrevivem como atrações turísticas, contudo, seria importante que ele fosse visto como uma opção saudável ao caos que vive nossos meios de transporte.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta nossa Fanpage!

Receber Receitas

Tecnologia do Blogger.

Seguidores

Arquivo do blog

Visitantes