4 de junho de 2012

Segunda Saudável: Leite

Google Imagens
O leite e seus derivados são ricos em proteínas, vitaminas e a principal fonte de cálcio da alimentação, nutriente fundamental – junto com a vitamina D – para a formação e a manutenção da massa óssea.

Tomar de dois a três copos de leite por dia contribui para um adulto atingir suas recomendações de cálcio. O iogurte também pode ser uma opção para garantir esse fornecimento. Crianças, adolescentes, grávidas e idosos devem consumir mais leite e derivados que as demais pessoas.

É recomendável, porém, que o leite não seja ingerido durante as refeições principais (almoço e jantar), pois o cálcio pode atrapalhar a absorção do ferro de origem vegetal, e vice-versa. Uma xícara de espinafre fornece aproximadamente 25% das necessidades diárias.

O gergelim é outra fonte de cálcio, tanto o torrado quanto o branco, apesar de este ser digerido com mais facilidade. Duas colheres de sopa por dia correspondem a um copo de leite.

Recomendação diária de cálcio

Crianças (0-8 anos): 200 a 800 mg
Crianças/adolescentes (9-18 anos): 1.300 mg
Adultos (19-50 anos): 1.000 mg
Adultos (mais de 50 anos): 1.200 mg
Gestantes e lactantes: 1.000 a 1.300 mg

Alimentos ricos em cálcio
- Feijão
- Ovos
- Couve, brócolis, espinafre e verduras escuras em geral
- Repolho, nabo, figo, uva passa, cenoura e laranja
- Amêndoas e nozes
- Gergelim
- Queijo de soja (tofu)
- Sardinha, marisco e algas

Alimentos que interferem na absorção de cálcio
- Produtos com excesso de sódio, como os industrializados, embutidos e enlatados
- Itens ricos em fitatos: farelo de trigo e alguns cereais
- Alimentos ricos em xantinas: café, chá preto e chá mate


Leite e seus derivados

Leite de vaca
Evita a osteoporose, combate infecções, evita úlceras pépticas, cáries, bronquite crónica; aumenta a energia mental, reduz o colesterol, alivia a mítação gastrointestinal. Contém cálcio e vitamina D. O cálcio é um composto protector que desintoxica os ácidos biliares no tracto intestinal (estes ácidos podem provocar cancro).

O leite desnatado pode beneficiar as artérias, contém prostaglandinas E2, que protegem o estômago e paredes intestinais dos ataques das substâncias químicas nocivas, evitando as úlceras. Se bem que não as cicatrizem, aliviam a dor. O leite, o iogurte e o queijo proporcionam cálcio, fósforo, proteínas e vitamina A. O leite e o iogurte retêm as vitaminas B.

Algumas pessoas apresentam intolerância à lactose, por isso não consomem leite.

As gorduras saturadas presentes no leite estão associadas ao aumento do colesterol sanguíneo e, consequentemente, a um maior risco de doenças cardíacas e certos tipos de cancro. O doutor Richard A. Schreiber, gastroenterólogo pediatra no Hospital Geral de Massachusetts, em Boston, diz: “A alergia ao leite de vaca é uma das principais causas da diarreia crónica e dos problemas de desenvolvimento na infância.”

Os peritos recomendam não dar iogurte aos lactentes menores de um ano, pois as proteínas deste alimento podem desencadear reacções como diarreia, falta de sono, cólicas, borbulhas e alergias respiratórias.


Leite de Soja (Extrato de soja)
O leite de soja enriquecido em cálcio (e de preferência, em vitaminas D e B12) é uma alternativa equivalente ao leite de vaca.Comparativamente ao leite meio gordo, o leite de soja tem mais gordura, ainda que não influencie negativamente o colesterol sanguíneo, e tem, em princípio, menos açúcar (não contém lactose, mas pode incluir frutose ou glicose).

A soja fornece proteínas de elevada qualidade, é rica em vitaminas do complexo B, minerais como o potássio e o zinco, pobre em gordura saturada e não contém colesterol, pois é de origem vegetal.


Leite de coco
Extrai-se um copo de agua de coco, seca-se a polpa e mistura-se no liquidificador com água (pode colocar-se ou não segundo os gostos); aos bebês deve ser-lhes dada coada). Não é preciso ferver, nem adoçar, nem aquecer. Aos bebés recém-nascidos é preferível dar-lhes água de coco morna, é hidratante; o coco maduro é laxante.


Leite de cabra
É o leite que mais se assemelha ao leite humano; é um alimento rico para o cérebro. Possui cloro e é eficaz contra alterações renais devido ao seu efeito germicida. É facil de digerir e de assimilar, por ser rico em flúor; proporciona solidez ao esmalte dos dentes e evita as cáries; é útil em casos de artrite, reumatismo e problemas de acídez. O soro desenvolve a flora intestinal. É alcalinizante devido ao seu elevado conteúdo em sódio, potássio e cálcio. Dado que a cabra gosta da casca das árvores e de ervas, produz um leite rico em silício, inimigo da tuberculose (comum nas vacas leiteiras). Além disso, produz efeitos reconstituintes e curativos devido ao equilíbrio dos seus elementos.


O que é Intolerância à Lactose?
Um simples copo de leite ou um pedaço de queijo pode fazer mal para quem tem intolerância à lactose. A pessoa sente náusea, gases, inchaço, diarreia e assadura na região anal.

Segundo dados brasileiros, 70% dos adultos têm algum desses sintomas após consumir leite de vaca ou derivados. Em países como Japão e alguns do continente africano, praticamente todos os habitantes com mais de 80 anos têm algum grau de intolerância.

A doença ocorre porque o indivíduo nasce sem uma enzima que quebra a lactose, o açúcar do leite, ou porque deixa de produzi-la ao longo da vida, seja pelo envelhecimento ou por lesões no intestino.

A gravidade dos sinais, que podem aparecer logo após a ingestão de leite ou depois de horas, depende da quantidade de alimento e de quanta lactose cada pessoa é capaz de suportar.

Segundo o gastroenterologista Flavio Steinwurz e a nutricionista Camila Diniz, qualquer alimento que contém lactose pode fazer mal, como leite de vaca ou cabra, queijo branco, manteiga, margarina, requeijão, iogurte, pudim, bolo, creme de leite, leite condensado, biscoito ao leite, pão de leite, pizza de muçarela e a maioria dos adoçantes em pó.

Em geral, iogurtes podem ser mais bem tolerados que o leite, porque parte do açúcar é fermentada. Porém, a maioria dos iogurtes, especialmente os de consistência firme ou cremosa, contêm leite em pó e/ou soro de leite, para melhorar a textura. Além disso, alguns iogurtes apresentam o mesmo percentual de lactose que o leite de vaca: cerca de 5%.

De acordo com o Conselho Nacional de Laticínios dos EUA (NDC, na sigla em inglês), as muçarelas de búfala e cabra contêm 2% de lactose, menos da metade do teor de um copo de leite ou iogurte. Dependo do grau de intolerância do paciente, esses queijos podem ser substitutos na dieta.

Para não ficar em dúvida, leia sempre o rótulo e verifique se o produto inclui lactose na formulação. Remédios também podem incluir lactose – por isso, veja a bula.

Diagnóstico
É feito por dois testes. No primeiro, que é feito pelo Sistema Único de Saúde (SUS), o paciente recebe uma dose de lactose em jejum e, depois de algumas horas, são colhidas amostras de sangue que indicam os níveis de glicose. Se não houver alteração, a pessoa é intolerante à lactose.

Há também um exame respiratório que custa cerca de R$ 120 e monitora a quantidade de hidrogênio nos gases exalados após a ingestão da lactose.

É importante não confundir a intolerância à lactose com outras doenças ou disfunções que podem causar quadro similar.

São elas:
- Alergia à proteína do leite (caseína)
- Síndrome do intestino irritável
- Doença celíaca
- Doença de Crohn
- Colite ulcerativa
- Alergias alimentares
- Endometriose

Para quem estiver com suspeita de intolerância à lactose e quiser fazer um teste em casa, basta retirar da alimentação os leites e derivados durante uma semana. Se o desconforto sumir, pode estar aí o motivo.

Tratamento
Não há tratamento para aumentar a capacidade de produzir lactase, mas os sintomas podem ser controlados por meio de dieta e medicamentos.

O que evitar
- Leite de vaca
- Leite de cabra
- Queijo fresco
- Manteiga
- Requeijão
- Creme de leite
- Iogurtes (costumam ser mais bem tolerados que o leite)
- Bolachas, bolos e pudins
- Adoçantes em pó

Opções de leite e derivados para intolerantes
- Leite com baixa lactose
- Leite de soja
- Leite de arroz
- Queijos brie, camembert, roquefort, cheddar, parmesão, prato e emmental (são mais gordurosos e calóricos que os brancos)

Fonte: Saber Viver/ Bem Estar / Wikipédia


Banda da semana...Legião Urbana!


A banda Legião Urbana surgiu em Brasília, com uma carreira que durou entre 1982 e 1996. Ao todo, lançaram treze álbuns, somando mais de vinte milhões de discos vendidos.

O conjunto fez parte do cenário rock nos 80, ao lado de bandas como Paralamas Do Sucesso, Barão Vermelho, Ultraje à Rigor, Titãs, RPM, entre outras. The Cure, The Smiths e Joy Division estão entre principais influências na sonoridade da Legião Urbana, quando iniciava sua carreira.

A banda soma oito discos de estúdio. Legião Urbana, de 1985, traz os primeiros hits da banda como Será, Geração Coca-Cola e Ainda é Cedo. Em 1986, Dois é lançado e solidifica o sucesso da Legião Urbana em todo o país com canções como Eduardo e Monica, Tempo Perdido e índios.

Um ano depois é a vez de Que País É Este, disco que além da faixa homônima, ganha o público com Eu Sei e Faroeste Caboclo. As Quatro Estações é lançado em 1989 e traz grande número de hits na carreira da banda: Pais e Filhos, Há Tempos, Quando O Sol Bater Na Janela Do Seu Quarto e Meninos E Meninas.

O disco V, de 1991, tem uma sonoridade diferente dos anteriores, mas ainda mantém a Legião Urbana nas paradas com O Teatro Dos Vampiros e Vento No Litoral. Em 1993, sai O Descobrimento do Brasil, sexto disco da banda com destaque para as músicas Perfeição e Giz.

O disco A Tempestade é lançado em 1996 e seria duplo. Porém, o álbum saiu simples e as faixas restantes foram lançadas em Uma Outra Estação, último disco da banda em estúdio.

Ainda hoje, a Legião Urbana é o terceiro maior grupo musical, da gravadora EMI-Odeon, em venda de discos por catálogo.

Fim da banda

O último concerto da Legião Urbana aconteceu em 14 de janeiro de 1995, na casa de apresentações "Reggae Night" em Santos, litoral do estado de São Paulo. No mesmo ano, todos os discos de estúdio da banda até 1993 foram remasterizados no lendário estúdio britânico Abbey Road Studios, em Londres, famoso por vários discos dos Beatles; e lançados em uma lata, intitulada "Por Enquanto 1984-1995". A lata também incluía um pequeno livro, com um texto escrito pelo antropólogo Hermano Vianna, irmão do músico Herbert Vianna.

A Tempestade ou O Livro dos Dias, lançado em 20 de setembro de 1996, foi o último da banda com o Renato Russo vivo. Além disso, o álbum possui densas músicas, alternando o rock clássico de "Natália" e "Dezesseis", ao lirismo de "L'Aventura", "A Via Láctea", "Leila", "1º de Julho" e "O Livro dos Dias" e ao classicismo de "Longe do Meu Lado".

As letras, em geral, abordam temas como solidão, passado, amor, depressão, homossexualidade, AIDS, intolerância e injustiças, sendo um disco "melodramático" e de alma triste.

Algumas canções do disco sugerem uma despedida antecipada, como diz o trecho "e quando eu for embora, não, não chore por mim", da canção "Música Ambiente". As fotos do encarte foram tiradas próximas à época do lançamento, exceto a de Renato, que foi aproveitada da sessão de fotos do seu álbum solo Equilíbrio Distante de 1995, já que o cantor, um pouco debilitado, se recusou a fotografar para o disco. O álbum A Tempestade foi lançado inicialmente na época como um clássico livrinho com capa de papelão e anos depois relançado como álbum comum (caixa de plástico). A foto do guitarrista Dado é diferente entre as duas versões. Com exceção de "A Via Láctea", as demais faixas do álbum possuem apenas a voz guia de Renato, que não quis gravar as vozes definitivas. Também não foram incluídas as frases "Urbana Legio Omnia Vincit" e "Ouça no Volume Máximo", presentes nos discos do grupo. Em seu lugar, uma frase do escritor modernista brasileiro Oswald de Andrade: "O Brasil é uma República Federativa cheia de árvores e gente dizendo adeus".

O fim oficial da banda aconteceu em 22 de outubro de 1996, onze dias após a morte do mentor, líder e fundador da banda. Renato Russo faleceu 21 dias após o lançamento de A Tempestade, no dia 11 de Outubro de 1996.

Depois do fim

Uma Outra Estação foi um álbum póstumo. A idéia original era de que A Tempestade fosse um álbum duplo. Como saiu simples, o material não lançado foi retrabalhado e compilado nesse álbum de 1997. Canções como "Clarisse" ficaram de fora do álbum anterior por desejo do próprio Renato, que a considerava com uma temática muito pesada. A letra da canção "Sagrado Coração" consta no encarte porém não possui registro da voz de Renato. O álbum conta com participações especiais como Renato Rocha, baixista dos primeiros discos da Legião, e Bi Ribeiro, baixista dos Paralamas do Sucesso.

A banda então prossegue fazendo sucesso e vendendo muitos discos, e se seguem muitas entrevistas e reportagens com os ex-integrantes, Dado e Bonfá. Muitos começaram a ouvir as músicas da banda após a morte de Renato, aclamado por alguns até mesmo como um herói, embora sem nenhum feito heroico, mas perpetuado como um portador de uma visão crítica e realista.

Em 5 de setembro de 2009, após rumores sobre uma possível retorno as atividades, o site oficial da banda divulgou um comunicado, em nome da família Manfredini, Dado Villa-Lobos, Marcelo Bonfá e da gravadora EMI, esclarecendo que eram infundadas informações sobre retorno da banda, esclarecendo que "uma possível volta da banda Legião Urbana é falsa. Não existe possibilidade alguma de uma volta da banda Legião Urbana”. Quinze dias após o desmentido, Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá fizeram uma participação especial em um concerto do festival Porão do Rock, em Brasília.

Em 2011, Villa-Lobos e Bonfá conduziram, juntamente com a Orquestra Sinfônica Brasileira, um show-tributo à Legião Urbana durante o Rock In Rio daquele ano. O concerto contou com convidados (como Rogério Flausino, do Jota Quest, e Toni Platão) que cantaram alguns sucessos da banda.No ano seguinte, o canal de televisão MTV organizou um novo concerto-tributo, em São Paulo, pelos 30 anos da banda.A homenagem teve o ator Wagner Moura, fã assumido da banda, como vocalista principal, além também de participações dos músicos Fernando Catatau e Bi Ribeiro e ainda do guitarrista britânico Andy Gill, do Gang of Four, uma das maiores influências da Legião.

Fica difícil escolher uma só música,dentre inúmeros clássicos e grandes sucessos.Vamos ouvir então uma das minhas favoritas,que me faz lembrar de uma época boa...”Giz”.

Grande abraço e até semana que vem.


Long Live, Rock’n Roll \o/

2 comentários:

  1. Leite e derivados nao são saudáveis. se informe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Agradecemos a sua opinião. Um forte abraço!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta nossa Fanpage!

Receber Receitas

Tecnologia do Blogger.

Seguidores

Arquivo do blog

Visitantes