6 de junho de 2013

Sem peso e sem medida

Google Imagens
A maior parte da população brasileira começa trabalhar muito cedo para contribuir com a renda familiar. Infelizmente, muitos não conseguem alcançar estabilidade financeira ao longo da vida, por isso na sua velhice precisa contar com a aposentadoria.

Outra parte significativa precisa se aposentar antes de completar o tempo de trabalho determinado por lei, pois ficam doentes e incapacitados para exercer suas funções. Ai começa o calvário para marcar consultas médicas, perícias, reunir todos os documentos necessários e aguardar os laudos com a sentença final.

Muitos brasileiros sofrem, pois não conseguem mais trabalhar devido a sua debilidade física, e ainda assim não são considerados “incapazes” para o trabalho. Recebem a recomendação para se readaptarem, mudarem de atividade profissional. Ok, essa é uma boa opção, mas quando estamos doentes não é fácil encontrar um novo emprego para recomeçar.

Em contrapartida, recebemos a notícia de que algumas pessoas recebem aposentadorias vultuosas por invalidez, mas continuam exercendo suas profissões e até mesmo ocupando cargos públicos.

Já sabemos que aqui existem dois pesos e duas medidas para muitas coisas e para muitas pessoas. Aqui não importa ser honesto e trabalhador. É preciso ser honesto, trabalhador e conhecer as pessoas certas, que indiquem o caminho até o carimbo e a assinatura que resolvam seus problemas.

Mais uma vez não quero generalizar ou acusar quem quer que seja, em todos os setores há os bons e os maus profissionais, mas há muitos casos de má vontade explícita, em que só de olhar percebemos que a pessoa está doente demais e ainda assim ela enfrenta esse tipo de situação. Sem poder trabalhar e sem poder se aposentar passa por dificuldades financeiras. E outros fazendo farra com o dinheiro público, aproveitando-se de uma situação privilegiada em detrimento do sofrimento de outros brasileiros. Continuamos vivendo em uma sociedade que trata seus filhos de maneira desigual. Indignação só não basta, precisamos agir!



0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta nossa Fanpage!

Receber Receitas

Tecnologia do Blogger.

Seguidores

Arquivo do blog

Visitantes