24 de abril de 2014

Fala que te escuto, mas também deleto!

Google Imagens
O direito ao livre pensar pertence a todos nós, podemos e devemos pensar da forma que quisermos. Defendo isso com todas as minhas forças, o que não significa que eu me sinta obrigada a dividir e a tolerar qualquer opinião de quem quer que seja.
 
O pensamento tem que ser livre, crítico, sensato e guiar nossas opiniões e ações. Isso contudo, não determina que o significado de livre, crítico e sensato seja o mesmo para todos. Cada um de nós tem sua própria formação, sua trajetória e por isso sua forma de ser, pensar e agir.
 
Vivemos em uma democracia – que ainda precisa muito para realmente fazer jus ao seu conceito – por isso mesmo devemos praticar o livre pensamento. Mas não devemos, impor nossos valores a ninguém, que cada um faça seu exercício democrático, que exponha suas ideias e preferências como achar melhor. 
 
Por isso não podemos nos impor às pessoas, nossos conceitos e preferências não devem ser considerados como regra, da mesma forma não somos obrigados a compartilhar de pensamentos que contrariam quem somos, que nos agride e ofendem apenas por gentileza ou imparcialidade.
 
Isso faz parte da democracia, vejo tudo que está a minha volta, mas absorvo para mim apenas o que me interessa, que comunga com minhas ideias e meu comportamento, o restante deleto. Não sou de ficar de bate boca, acho isso uma perda de tempo, gosto de discutir pontos de vista e até mudo os meus se for o caso. Mas não acredito que deva aguentar posições ideológicas que contrariam e até mesmo agridem as minhas, e principalmente não me imponho a ninguém, não acho que sou a dona da verdade, que minha opinião é a única correta.
 
Dia desses um leitor, Sr. Antonio Vieira, após ler meu artigo intitulado “A primavera dos povos”, me enviou um e-mail questionando algumas de minhas ideias. Foi um diálogo enriquecedor, em que pude debater um pouco mais sobre minhas ideias e ele sobre as suas. Assim é a democracia, não precisamos concordar, mas saber respeitar o princípio de que nem todos são iguais. Por isso continuo a defender o fato de que se algo me desagrada muito, deleto e pronto!
 

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta nossa Fanpage!

Receber Receitas

Tecnologia do Blogger.

Seguidores

Visitantes